Qual funcionário deve ser promovido ou desligado?

Otávio tem uma empresa com quase 200 funcionários e atua no segmento hospitalar. Ele pensa em fazer uma grande revolução, trocando as pessoas sem comprometimento e apáticas, para dar lugar a talentos que realmente abracem a causa, que se dediquem que ajudem a construir e não a desconstruir.

E me escreveu pedindo dicas sobre como identificar o colaborador que merece ser mantido ou, eventualmente, promovido.

Caro Otávio, tem gestor que avalia o funcionário com os preceitos básicos e burocráticos do trabalho: se são pontuais, se são respeitadores, se não faltam com frequência.

Eu penso que estas três questões isoladas não correspondem a uma avaliação positiva, afinal, é responsabilidade de todo funcionário fazer isso.

Funcionário bom, no meu ponto de vista, é aquele que assume riscos, que é determinado, ambicioso e faz coisas além de seu cargo. E mais:

  • É aquele que ganha a nossa confiança com ética e honestidade, até mesmo nas coisas mais simples da vida.
  • É aquele que está sempre pronto para ajudar, e disposto a aceitar ajuda.
  • É aquele que tira coelhos da cartola e faz acontecer.

É o que eu sempre digo: profissional bom é aquele que arruma meios e formas para fazer o que precisa ser feito. Profissionais medianos e ruins são aqueles que sempre arrumam desculpas para justificar o que não foi feito.

Pense nisso e me adicione no Facebook clicando aqui.

Veja pode se interessar também por estes posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.