Quatro sentimentos que distinguem o bom do mau gestor

Quatro sentimentos que distinguem o bom do mau gestor

De uns tempos para cá tenho perguntado informalmente para funcionários das empresas que me contratam para palestras, o que eles esperam de seus gestores. Afinal, que sentimentos distinguem o bom do mau gestor?

Nessa brincadeira já ouvi de tudo. Tem gente que espera que o gerente seja mandado embora, que ele morra e desapareça. Tem muita gente que não gosta ou não se dá bem com o gestor imediato.

Mas tem também muitas respostas positivas.

Continuar lendo

Mais sobre rotatividade nas empresas…

Rotatividade nas empresas

Outro dia falei aqui que um dos principais motivos para o mal crônico que as empresas estão vivendo – a famigerada rotatividade de profissionais – é o recrutamento e seleção.

Muitas pessoas escreveram comentando a minha afirmação, dentre elas a Gerente de RH Alessandra Mesquita. Ela disse que os motivos da Rotatividade não se resumem só ao processo de recrutamento e seleção e cita o mestre Chiavenato:  “A rotatividade não é uma causa, mas o efeito de algumas variáveis externas e internas“.

Alessandra diz que existem motivos como: melhores oportunidades de empregos no mercado de trabalho, variáveis familiares (como mudança, viagem, dentre outros) E ainda: política salarial (insatisfação com a remuneração), benefícios, cultura organizacional da empresa, a estrutura, oportunidades de crescimento interno, o estilo gerencial, a própria relação com os gestores sendo de cima para baixo ou inverso, a autonomia para cargos gerenciais, a motivação, comunicação clara de transparência, respeito, planejamento adequado, condições de trabalho complementando Psicológicas ou físicas. 

Continuar lendo

Como reduzir as contratações equivocadas?

Como reduzir as contratações equivocadas?Contratações equivocadas podem enterrar o seu negócio e é um tema cada vez mais alarmante, já que ter uma equipe afiada e disposta a superar desafios é decisivo para a sobrevivência.

A maior parte das empresas comete uma série de erros na hora de contratar. Os mais relevantes são esses:

  • Não detalham quais serão as atividades que o profissional executará. Eu sempre proponho que isto esteja absolutamente detalhado antes de iniciar qualquer processo.
  • Depois, pecam em não detalhar qual o perfil desejado. Estou falando de atributos que vão além da escolaridade ou tempo de experiência na função. Me refiro a comportamentos, atitudes, postura.
  • As empresas falham também quando contratam baseado apenas no feeling do entrevistador ou no comportamento do candidato durante a entrevista.
  • Pecam também quando contratar parentes e amigos de funcionários só porque precisam preencher a vaga com certa urgência.

O foco de quem recruta – seja um profissional de RH, um gerente ou mesmo um empresário – deve ser sempre reduzir a probabilidade do novo funcionário falhar.

Mas como fazer isso? Eu respondo…

Continuar lendo

O importante é AGIR

O importante é AGIR.

Para se destacar no ambiente competitivo deste ano, as empresas precisam focar duas atividades:

Investir  no que pode te trazer resultados.

E cortar o que de fato traz prejuízo.

 

Afirmar isso parece simples, fazer estas coisas parece fácil. Mas não é nada disso.

Cortar o que trás prejuízo vai além de mandar funcionários embora, economizar na eletricidade ou cortar verbas mal utilizadas.

Cortar o que traz prejuízo é cortar o mau atendimento a clientes, a morosidade nos processos, a não utilização da tecnologia, redes sociais, aplicativos…

Continuar lendo

Dona de pet shop em apuros. O que fazer?

Chegou para mim um pedido de socorro de uma proprietária de um pet shop lá do Paraná

Chegou para mim um pedido de socorro de uma proprietária de um pet shop lá do Paraná que está com dificuldades para fechar as contas da empresa. Com a crise, o faturamento despencou 35% e ela pede dicas para sair dessa situação.

Na hora de escolher aonde a tesoura vai, muita gente corta serviços não essenciais como salão de beleza, viagens ou levar seu cachorrinho no pet shop.

Mas sem desânimo, tome nota destas ideias:

Continuar lendo

Montar um negócio no Brasil é uma decisão inteligente?

DIEGO MAIA -montar-um-negocio-no-brasil-e-uma-escolha-inteligente_1024x628Muita, mas muita gente mesmo me escreve pedindo sugestões e até avaliação das suas ideias de negócios. Gente como a Kayla Favilla, a Gabriela Gonçalves, como o Mateus Pontes e muitos outros.

Todos querem realizar o sonho de empreender: uns por visível vocação, outros por acreditarem que estão com um bom negócio na mão e até aqueles que querem abrir um negócio porque não conseguem se recolocar. Este último grupo me preocupa muito: pois investem o que tem e o que não tem e são os que correm mais riscos, principalmente quando não buscam se qualificar ANTES de abrir.

A Raquel Palmares foi curta e grossa na mensagem que me mandou via Facebook: “Montar um negócio no Brasil, neste momento turbulento, é uma escolha inteligente?”.

Minha resposta é: pode ser, mas apenas para o tipo certo de pessoa. Continue lendo e confira meus argumentos!

Continuar lendo

Meus dois segredos empresariais

Monitore sua concorrência e aprenda a delegar!

Eu viajo o Brasil inteiro ministrando palestras e treinamentos para equipes de vendas, gestores e empresários.

E recentemente confessei em uma palestra para mais de 500 pessoas dois dos meus principais segredos empresariais.

Eu compartilhei o meu hábito secreto de aprender com meus concorrentes.

Continuar lendo

Três regras para construir reputação

Como construir reputação?Todo mundo sabe que eu sou especialista em treinamento de equipes de vendas e de gestão. Me sinto um felizardo por viajar o Brasil inteiro e poder interagir com pessoas de diferentes perfis.

Mas pouca gente sabe como tudo isso começou e como consegui construir uma forte reputação. Continue lendo e confira…

Continuar lendo

Quanto mais a empresa cresce, mais problemas aparecem

Crescer é ótimo, mas e preciso saber como crescer.

Tudo parece estar às mil maravilhas, sua empresa está crescendo e vendendo e o cenário indica um futuro cada vez melhor. Aí de repente a coisa começa a desandar, você percebe que os concorrentes estão te alcançando, seus funcionários agora são muitos e estão começando a bater cabeça, a rotina que você tinha já não dá conta.

Eu chamo isso de “problema bom”. Crescer é ótimo, mas e preciso saber como crescer.

Porque quanto mais a gente cresce, mais problemas aparecem.

Continuar lendo

Assumir a empresa da família ou trabalhar com carteira assinada?

Empresa da famíliaHumberto escreve: “Comecei a vida trabalhando na loja de minha mãe no ramo de produtos naturais. Mas entendi que era necessário ter um emprego formal com carteira assinada lá fora. Realizei: fui trabalhar numa grande concessionaria de veículos.

Lá passei por muitos cargos, adquiri experiência e amadureci. Cheguei a um lugar de destaque. Recentemente cobri as férias do meu chefe. Durante este período atingi os objetivos e eles reconheceram meu trabalho, me elogiaram e tudo mais, mas quando eu mencionei que desejava ser promovido e ganhar mais, disseram que não poderiam aumentar, pois eu já estou no topo da lista de salários.

Será que estar chegando a hora de eu seguir meu caminho voltando a trabalhar com minha mãe no nosso próprio negócio? O que devo fazer para garantir o sucesso da loja familiar?”

Continuar lendo

O que os funcionários mais esperam de seus chefes?

Respeito é bom e todo mundo gosta.

Sabe aquela expressão “Respeito é bom e todo mundo gosta”? Pois é, uma pesquisa da Universidade de Harvard perguntou para vinte mil funcionários ao redor do mundo o que mais eles esperam de seus chefes e do local em que trabalham. A resposta não foi nem reconhecimento nem oportunidades de crescimento. Nem mesmo um melhor salário. Ser tratado com respeito foi a principal resposta.

Continuar lendo

Como montar um negócio de sucesso

Muitas pessoas me perguntam como montar um negócio de sucesso e a resposta para isso, infelizmente, não é certeira.

Muitas pessoas me perguntam como montar um negócio de sucesso e a resposta para isso, infelizmente, não é certeira; existem muitas variáveis.

A primeira coisa é perguntar o que você gosta de fazer e se você quer que isso vire o seu trabalho.

Mas muita calma nessa hora. Existe demanda para o negócio que você está pensando em abrir? Existem pessoas dispostas a comprar seus produtos ou serviços?

Continuar lendo

Como deixar sua equipe mais criativa

É a criatividade que salvará as empresas do fracasso.

Saiu outro dia uma pesquisa com diversos gerentes e executivos de várias partes do mundo sobre qual qualidade um líder deve ter acima de todas as outras. A criatividade foi o atributo mais comentado, mas será que as pessoas levam a criatividade a sério?

Continuar lendo

Como encantar clientes

Imagine que você contratou uma empresa especializada em pintura de lataria para seu carro. No final do serviço, a empresa entrega o seu carro com a pintura perfeita, no prazo certo e não cobra um centavo a mais do preço combinado.

Muitos podem achar que essa é a melhor maneira de encantar um cliente, mas para isso é preciso muito mais. É preciso superar as expectativas e mostrar que o cliente é muito importante para você. Afinal, fazer o básico é obrigação de toda empresa. Continue lendo…

Continuar lendo

Motive pelo desejo de vencer, não pelo medo de perder…

Medo - Motivação - Diego MaiaBaseado no e-mail do Lenon, que é um gerente geral de uma empresa com 80 funcionários, me dediquei estes dias a estudar sobre o equilíbrio necessário entre a pressão por resultados e o estresse no trabalho.

Se você me ouviu aqui ontem, sabe que Lenon escreveu comentando ser um forte cobrador e que vive constantemente buscando melhorias, mas parece que sua equipe já mais responde a estes incentivos.

Como falei ontem, é vital para uma empresa bem sucedida demonstrar sempre a  importância da produtividade, mas evitando ao máximo o stress que as pressões trazem a reboque. Continue lendo!

Continuar lendo