Como manter o foco

Você está escrevendo um email super importante e de repente chega uma mensagem no seu WhatsApp, de um daqueles 673 grupos que você participa. Ao mesmo tempo, chega uma notificação no Facebook, um alerta do app do banco, o telefone toca, alguém te interrompe.  

Isto lhe parece familiar?

Com toda certeza, isto acontece com todo mundo. Com o empresário, com o funcionário, com o atleta olímpico.

A diferença é que os verdadeiros campeões, no esporte ou na vida profissional, são aqueles que conseguem esquecer temporariamente  mundo ao redor quando precisam entregar algo e só pensam nos movimentos que precisam fazer para conquistar seus objetivos.

É muito fácil se perder neste imenso oceano de informações que vivemos imersos. Mas para ser bem-sucedido, você precisa manter os olhos fixos na bola.

Os profissionais que se destacam em suas áreas são disciplinados e administram bem o seu tempo. Isso ocorre porque eles desenvolvem a habilidade de focar e ignorar qualquer coisa que entre no caminho da sua produtividade.

Pense em quanto você poderia ser mais produtivo se os agentes da desconcentração não existissem?

Não dá para eliminá-los e fingir simplesmente que eles não existem, mas o simples fato de compreender que cada minuto concentrado em algo que não agrega ao seu trabalho, é um minuto perdido. E o tempo, você sabe, ele não para, ele não volta.

A palavra chave é “FOCO”. A técnica é se manter

RNEL Rio Kogut contrata o CDPV para maximizar vendas

Destacado

A Rio Kogut, distribuidora da tradicional marca de jóias Rommanel no Rio de Janeiro, contratou o CDPV – Centro de Desenvolvimento do Profissional de Vendas para treinar todo o seu time comercial: atendimento ao cliente, vendedoras, operadoras de caixa e líderes das lojas.

Para seu time de quase 100 profissionais, o CDPV criou o “PDC – Programa de Desenvolvimento Comercial“, que mescla treinamento presencial, serviços de Coach, treinamento digital e campanhas de incentivo em ciclos anuais. Por sua amplitude, é, sem dúvida alguma, o programa de treinamento de vendas mais completo já realizado no Brasil.

Uma plataforma exclusiva de treinamento foi criada tornando o conteúdo acessível 24 horas por dia, 7 dias por semana, por qualquer dispositivo. Após cada aula o profissional faz um teste de conhecimentos acumulando pontos num ranking que fica visível para todos os usuários, criando assim uma eletrizante disputa e permitindo reconhecer e recompensar os profissionais que se destacam.

Foi incrível participar da palestra com Diego Maia (ministrada na abertura do programa). Estava desmotivada e até pensei que seria demitida pelas baixas vendas, que seria mais um curso chato para ocupar o tempo. Foi totalmente ao contrário. Estou vendendo e atendendo melhor.  Agora, sou uma das vendedoras mais aplicadas. Agradeço aos meus gestores pela oportunidade e por investirem em nós. E ao Diego, que fez a diferença não só na minha vida profissional, mas na pessoal também. Amei e quero mais“, contou, emocionada, a vendedora Alessandra Marcelino.

Já para Cíntia Silva, gerente geral de operações da Rio Kogut, “a empolgação de cada vendedora com as aulas, a disputa pelo melhor ranking e principalmente, a motivação em vender mais e melhor, são perceptíveis. Muitas estavam desanimadas e isso era repassado ao cliente. As técnicas e ferramentas apresentadas pelo Diego Maia deram o gás que estávamos precisando para elevar os resultados. É diferente de tudo o que já tínhamos visto até hoje“, enfatizou.

Ainda no escopo desta nova parceria, todo o serviço de recrutamento e seleção do time comercial da Rio Kogut passaram a ser realizados pelo RH Vendas, unidade de R&S do Grupo CDPV, única empresa no Brasil especializada no recrutamento e seleção de profissionais de vendas.

Faça como a RNEL Rio Kogut e contrate os serviços de recrutamento, seleção e  treinamento do CDPV e potencialize seus resultados. O aumento das vendas e da qualidade de seus processos pode ser observado a olhos nus. Agende uma reunião conosco clicando aqui.

 

 

Outras dicas para ampliar sua produtividade

Eu tenho falado bastante aqui sobre como melhorar nossa produtividade. E recebi inúmeras mensagens por e-mail e no inbox da minha página no Facebook pedindo mais ideias. Por isso resolvi explorar um pouquinho mais este profundo tema.

Tome cuidado com a multitarefa. Fazer muitas coisas ao mesmo tempo raramente dá certo, e você acaba não fazendo direito nem uma coisa nem outra.

Para ser mais produtivo, não embole uma  tarefa com outra. Se você está falando com alguém, não atenda o celular. Se estiver no celular, saia do computador. E por aí vai.

Pense em tudo como um processo. Pense nas tarefas que você tem e procure vê-las de maneira encadeada, como uma sequência de acontecimentos. Você vai poupar tempo e ganhar resultados.

O segredo dos profissionais de sucesso é focar, com todas as suas forças, na melhoria de sua produtividade. Você vai ver a diferença que esta postura vai te proporcionar. Você vai encarar de outra forma aquela lista de tarefas não cumpridas que insiste em te assombrar.

Quer mais dicas para turbinar sua produtividade? Continue lendo o meu blog e me adicione no Facebook e no LinkedIn.

Não tente abraçar o mundo

Olha, você não tem ideia do poder que um hábito tem nas nossas vidas. Às vezes, o que a gente precisa para crescer é justamente mudar alguns desses hábitos, ou deletar algumas práticas prejudiciais.

Esses costumes tomam conta da nossa vida porque nosso cérebro acaba se acostumando a fazer sempre a mesma coisa e assim poupar a energia de pensar outras soluções.

Leia também: Três erros que até os melhores líderes cometem

Quantas promessas de final de ano acabam ficando só na promessa, não é? Ir para a academia, ficar mais tempo com a família, fazer aquela viagem… Vamos combinar que é difícil mudar um hábito. Se você tem uma empresa ou lidera uma equipe e quer fazer esta empresa ou esta equipe decolar, existe um hábito que você deve incorporar na sua rotina para impulsionar o trabalho:

Foque em apenas um grande assunto  por vez.

Quem tenta abraçar o mundo com as pernas normalmente se dá mal e acaba adiando problemas e não encontrando soluções. Quando se está à frente de uma empresa ou de uma equipe, a tendência é que você queira resolver tudo sozinho.

Leia também: Elimine os hábitos corrosivos

O ideal é separar os problemas e atacar um de cada vez, um dia uma coisa, outro dia, outra coisa. O meu desafio para você hoje é o seguinte: Procure dentro da sua empresa um grande assunto que merece o seu foco hoje e se dedique totalmente a resolver este tema.

Quer mais ideias? Me adicione no Facebook e no LinkedIn e se conecte comigo.

Há sempre um novo começo e novas oportunidades

Para realizar nossas metas precisamos vencer vários tipos de obstáculos que a vida nos impõe. Os agentes desmotivacionais são inúmeros e em maior proporção quando comparados às coisas que nos motivam.

Os empecilhos do dia a dia tem o poder incrível de nos puxar para baixo… eu tô falando de falta de dinheiro, falta de tempo, excesso de estresse, divergências com o chefe…

A má noticia é que estes agentes desmotivacinais aumentam com o tempo ;-(

A boa notícia é que existe uma forma de blindar sua mente destes agentes: passe a observar nas barreiras impostas pela vida algo que pode te fortalecer e transformar a realização de seus sonhos em algo ainda mais especial.

Leia também – A motivação diária do profissional de vendas. 

Observe o que a vida está tentando te ensinar em cada bordoada que te dá.

Os medíocres –  aqueles que fazem apenas o que é comum e corriqueiro – não conseguem enxergar que por trás de toda dificuldade há sempre uma oportunidade. Depende do ponto de vista.

Encare as barreiras da vida com bom ânimo e determinação. São elas que fazem aflorar os verdadeiros campeões.

A frase do dia hoje é do Chico Xavier: “Para ter algo que você nunca teve, é preciso fazer algo que você nunca fez”.

Pense nisso e me adicione no Facebook e no Instagram. Todos os links para minhas redes sociais estão aqui, onde você encontra meus textos e minha programação de cursos.

O grande problema é a EXECUÇÃO!

Outro dia conversava com um CEO de uma companhia de grande porte que fatura mais de R$ 300 milhões de reais por ano. Nesse papo ele contava seus ambiciosos planos de expansão.

A empresa crescia algo como 15% todos os anos, mas para continuar crescendo precisava, segundo ele, de novos produtos, de uma nova área de atuação – um novo estado, por exemplo –, de um novo centro de distribuição e de um novo sistema de gestão.

Ele pretende realizar tudo isso nos próximos 3 anos, e sua argumentação me levou a acreditar que seu planejamento estratégico estava bem desenhado e amparado em estruturas sólidas.

No final do papo fiz uma pergunta e a resposta me chocou. Perguntei assim: “sua empresa e sua equipe estão prontas para executar com êxito este seu projeto?”

Ele respondeu, tranquilamente desta forma: “não sei, tenho dúvidas da capacidade de meu pessoal”.

O grande problema das empresas, seja a que fatura R$ 10 mil por mês ou a que fatura R$ 300 milhões por ano, não são as boas ideias, os planos bem estruturados ou mesmo a vontade de fazer as coisas. O grande problema é a EXECUÇÃO!

Este CEO  parece ter uma sólida compreensão do que sua operação precisa para crescer. Ele sabe exatamente onde quer estar daqui a 3 ou 5 anos. No entanto, ele não tinha identificado as mudanças específicas que precisam ser feitas na estrutura da empresa no que se refere a pessoal, afinal um bom plano não adianta nada sem gente competente para executar.

Em meu trabalho com centenas de empresas, posso afirmar que quase todo líder sabe quando é a hora de mudar suas estruturas.  Mas o “como Fazer” e “com quem fazer” são o empecilho.

Na hora de implementar um plano de mudança ou de crescimento, é preciso identificar:

  • Que ferramentas são necessárias para apoiar a execução do plano?
  • Que novos cargos devem ser criados no organograma para assegurar essas metas de crescimento?
  • Quais são as qualidades dos candidatos para preencher estes cargos?
  • A equipe existente tem capacidade para executar tudo isso?

Crie um bom plano, mas entenda que sem execução e sem gente engajada e preparada nada vai acontecer na sua empresa.

Pense nisso e me adicione no Facebook clicando aqui. 

Sorria, hoje é segunda!

Agorinha mesmo, no elevador, encontrei um colega de prédio. Ele estava com a cara emburrada, suspirando forte como se estivesse de saco cheio de tudo e de todos. Tomei coragem e perguntei, mesmo correndo o risco de ser espinafrado. Veja a cena:

– Cara, o que aconteceu? Ele respondeu:

– Pô Diego, Hoje é segunda e eu sempre fico mal humorado às segundas. 

– Por que?, perguntei.

– Porque segunda-feira é o fim do descanso e recomeço da batalha, dos problemas, das dores de cabeça. Não existe nenhum ser humano normal que gosta de segundas-feiras.

Dei uma alta gargalhada. O semblante dele mudou.

Eu decido se minha segunda (ou terça, ou quinta, ou sábado) será legal, animada, produtiva ou ao contrário. Tudo é uma questão de percepção, de foco. 

É você quem determina como será seu dia. Você está aqui, lendo esta mensagem. Ou no trabalho, ou em casa, ou no celular, ou no tablet, no carro, na rua, no ônibus, nas barcas ou no metrô. Tem gente com muito menos curtindo a vida, rindo à toa, numa forte atmosfera positiva. Mude o ângulo de visão!

Pense nisso e me adicione no Twitter clicando aqui. 

 

F.É = Foco e Execução!

Como você deve ter reparado, tirei a semana para responder a e-mails dos queridos ouvintes (da Rádio carioca MPB FM), leitores deste blog e seguidores do Twitter e Facebook. . Eu sempre disse aqui e reforço agora: eu tardo, mas não falho! Respondo pessoalmente a todos.

Hoje quem escreveu foi a Roseana, que atualmente é proprietária de uma empresa de revestimentos. Ela diz:

“Sempre que possível te escuto na rádio, admiro e ouço com bastante atenção todas as suas dicas. Eu trabalhei no serviço público durante 21 anos. No final do ano passado, com a mudança de governo, fui exonerada e decidi mudar radicalmente.  Continue lendo…

Continuar lendo