Omnichannel: palestra gratuita de Diego Maia na Firjan

Empresários e especialistas de diferentes segmentos estão convidados para o seminário Conexão Setorial, organizado pela Firjan – Federação das Indústrias do Rio de Janeiro e marcado para 29/08, com o objetivo de encontrar pontos de convergência, gerar novos conhecimentos e fazer networking.

Na parte da manhã, haverá a palestra com Fabíola Paes, especialista em omnichannel, que vai mostrar como a experiência de compras pode ser melhorada. O conceito envolve a integração dos pontos de vendas físico e virtual, de modo a facilitar a vida do consumidor, ampliando as possibilidades de negócios. “Até pouco tempo atrás, falava-se de venda por telefone e representantes. Hoje há plataformas online e uso de inteligência artificial. A ideia é apresentar estes diversos canais para fomentar o empresário fluminense a ser um omnichannel”, conta Ana Carla Torres, coordenadora de Desenvolvimento dos Setores de Consumo da Firjan.

À tarde, haverá espaço de exposição e encontros setoriais: Alimentos e Bebidas, Audiovisual, Construção Civil / mercado imobiliário, Gráfico, Mobiliário, Moda, Plástico e TIC.

Com o oferecimento da Firjan, Diego Maia se apresentará na sala destinada ao segmento gráfico e sua palestra é focada em B2B (Venda Corporativa). Na apresentação Maia mostrará como empresários e gestores podem enxergar e potencializar oportunidades de alavancagem de vendas nos mais diferentes canais.

Nas outras salas, se apresentarão outros renomados especialistas, como Simone Galante, Márcio Rolla, Ana Maria Castelo, Vivianne Vilela, Alexander Turra, Carol Zocolli, Enrico Cietta, Luis Antonio Secco, Carlos Câmara, dentre muitos outros.

Inscreva-se agora clicando aqui. 

 

Como treinar equipes

Joana Queiroz trabalha em uma empresa de Petrópolis (Região Serrana do RJ) e acabou de receber uma importante incumbência por parte de seu chefe: desenvolver treinamento para sua equipe de 8 pessoas. Pede dicas e ideias.

Joana,  parece que o empresariado finalmente despertou para necessidade de treinar de forma periódica e consistente sua equipe. Eu e a equipe do CDPV estamos acompanhando isso de perto, aplicando uma quantidade enorme de cursos, palestras e workshops para empresas dos mais diversos ramos e segmentos.

Há alguns aspectos fundamentais que precisam ser observados e quero compartilhá-los com você. Continue lendo…

O primeiro dele, é o levantamento detalhado do que deve ser treinado. É comportamento ou técnica? Seu pessoal precisa de uma injeção de ânimo e conhecimento em doses curtas ou mais ao estilo homeopático, para que no futuro tenham resultados consistentes e duradouros?

Feito isso, localize consultorias e empresas de treinamento que sejam práticos e realmente entendam do assunto e do seu setor de atuação. Treinamento bom e válido é aquele que é conduzido por alguém que saiba aonde o calo aperta. Não se pode dar um exército a alguém que nunca deu um tiro.

Na sequência, é hora do briefing detalhado. É aí que mora o perigo, pois você precisa se certificar de que a consultoria ou empresa de treinamento realmente entendeu o que sua empresa precisa.

E, depois, não largue tudo na não de um fornecedor externo. Treinamentos que funcionam são aqueles que são acompanhados e monitorados por áreas como o RH.

Bom treinamento, Joana! Estou a sua disposição.