3 armadilhas da produtividade. Livre-se delas IMEDIATAMENTE!

O que fazemos nos primeiros minutos do trabalho reflete diretamente no nosso dia.

Você conhece as 3 armadilhas da produtividade?

Eu sempre acreditei que o que fazemos nos primeiros minutos do trabalho reflete diretamente na nossa produtividade para as próximas oito horas.  Ou seja, se você chegar atrasado ao escritório ou perder tempo nas redes sociais, a tendência é ter dificuldade em manter o foco o resto do dia e perder tempo com coisas inúteis.

Passeando por sites internacionais especializados nas relações de trabalho confirmei esta minha suspeita.

E selecionei três armadilhas comuns, que vivemos corriqueiramente mas que podem atrapalhar o nosso rendimento.

1º – Chegar atrasado

Um estudo recente, citado no Huffington Post, descobriu que os chefes tendem a ver os funcionários que se atrasam com alguma regularidade como menos responsáveis e conscientes. Para eles, quem não chega cedo não produz e são responsáveis pelos baixos índices de desempenho – mesmo que essas pessoas saiam mais tarde.

Powered by Rock Convert

2º – Não cumprimentar os colegas de trabalho

Você pode até não estar em um bom dia, mas é sua obrigação dar “oi” ou “bom dia” para as pessoas. Quando não faz isso, sua competência técnica e habilidade profissional são minadas e esquecidas.

3º – Responder a cada e-mail em sua caixa de entrada

Assim que entramos no escritório, a tendência é responder àqueles emails e passar uma boa parte do dia fazendo isso. Os primeiros 10 minutos da jornada de trabalho devem ser gastos na priorização de e-mails. Dessa forma, você pode ver se há alguma coisa urgente e criar um plano para atender o resto mais tarde.

O e-mail é uma ferramenta de trabalho e não o trabalho em si. O problema é que muita gente não sabe disso.

Coloque em prática!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar

Veja pode se interessar também por estes posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.