A rotatividade de colaboradores e a atmosfera do contraditório

Criar práticas de retenção é fundamental, independente de seu segmento.


João da Costa escreve comentando uma situação que é comum em quase todas as empresas. Como empresário, ele precisa sempre trocar os funcionários e está chateado com isso, já que não tem conseguido criar uma equipe coesa. Como não tolera erros óbvios, demite e contrata em ritmo alucinante e os melhores não ficam mais de 1 ano na empresa. A pergunta central dele é esta: “ O que devo fazer para manter os funcionários?”.

Continue lendo e confira minhas respostas…

João, a questão de ordem nas empresas atualmente é esta: reter talentos. Isto é decisivo porque mesmo com uma eventual retração econômica, sempre haverá oportunidades de trabalho para profissionais bons e  inovadores. Por isso, criar práticas de retenção é fundamental, independente de seu segmento.

Excluir colaboradores mal avaliados é normal e sadio e chamo isto de “rotatividade positiva”. É melhor você conduzir uma empresa com alto índice de rotatividade do que manter uma penca de gente que não produz e joga contra.

Mas quando se trata de manter os melhores funcionários (realmente identificados), eu sempre lembro que perfeição é inimiga do crescimento.

Todos os gestores que conheço querem contratar “funcionários perfeitos”, mas esquecem que todos nós somos suscetíveis a cometer erros. Mesmo os melhores.

Aprendi a duras penas que muita crítica não ajuda e desencoraja os funcionários, além de criar o que chamo de atmosfera do contraditório.

Provavelmente são muitos os motivos que levam um funcionário bom a deixar uma empresa. Um bom colaborador chuta o balde, além de outros motivos, quando começa a enxergar o gestor como um obstáculo.

O líder constrói este sentimento quando repreende e pune a todo momento, esquecendo que erros nada mais são do que oportunidades de aprender, crescer e avançar.

Se concentrar nos erros dos colaboradores só vai torná-los cada vez mais reativos e medrosos  e menos propensos a assumir os riscos necessários para fazer um trabalho verdadeiramente notável. Cuidar para que erros não se repita é uma tarefa sua.

Pense nisso e me adicione no Facebook  Instagram e no serviço de Podcast de seu iPhone.

Powered by Rock Convert

Veja pode se interessar também por estes posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.