Abrir ou não uma franquia? Eis a questão!

Investir neste ramo é, na maioria das vezes, a opção mais segura.

Neste programa de estreia na Antena 1 FM quero responder o e-mail da Mariana. Ela conta que sempre trabalhou na área administrativa. Mas em abril do ano passado houve algumas demissões e mudanças: ela foi transferida para área de atendimento ao público.  Mariana diz que se precisar atender pessoas, faz sem problemas, mas atuar diretamente e constantemente com atendimento ao público não é o seu perfil. 

Por conta disso está insatisfeita e frustrada; apesar de uma certa “segurança” no atual cargo, tem o desejo de mudar.  Às vezes pensa em pedir as contas e investir em um negócio próprio, franquia pra ser mais exato.

E a pergunta é essa: Mariana deve dar esse passo, mesmo com a instabilidade política e econômica do país?

Mari, a decisão de empreender precisa ser tomada com a mais absoluta convicção de que vai dar certo. E a gente só consegue essa convicção estudando, planejando e avaliando os cenários. Se as dúvidas se sobrepõem as certezas, é melhor continuar planejando.

Powered by Rock Convert

Investir em uma franquia é, na maioria das vezes, a opção mais segura: os processos já existem e os modelos estão prontos. Mas é necessário avaliar muito, sugiro sempre conversar com pelo menos uns 3 franqueados daquela marca.

Leia também – O medo da mudança.

Mas acima de tudo, o futuro franqueado deve gostar muito do ramo. Não basta investir em uma franquia de restaurante se não gosta de cozinhar. Não pode investir em franquia de varejo, se não tem aptidão ou prazer em lidar com o público, que me parece ser o seu caso. 

Por fim, quero te dizer que trabalhar no que não gostamos é a nova forma de escravidão! Suportar um emprego frustrante para pagar contas é um suicídio diário e programado. 

Me adicione no Facebook e no Instagram. Você encontra os links para todas as minhas redes sociais aqui no blog! 

Powered by Rock Convert

Veja pode se interessar também por estes posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.