O segredo que mudou minha vida!

Você conhece a triste síndrome das 3 da tarde? Hoje te falo que é e te conto o segredo que mudou totalmente a minha vida profissional!

Você sabe o que é a síndrome das 3 da tarde? Hoje te falo que é e te conto o segredo que mudou minha vida profissional.

Inicialmente já te digo uma verdade: cada um de nós tem seu próprio ritmo de produtividade. Sim, cada um tem seu tempo e ritmo mas geralmente, numa empresa que trabalha no horário tradicional (de 9 da manha às 6 da noite), perto das três ou quatro horas da tarde, a energia sofre um baque.

É que, nesse período, os níveis do hormônio cortisol, diretamente envolvido no gerenciamento do estresse e na capacidade de resolver problemas, começam a cair.

Justamente é esse o momento em que o organismo pede mais estímulos para continuar motivado. E você sabe qual o caminho mais fácil para buscar estes estímulos instantaneamente? Nas curtidas em redes sociais, porque elas estimulam a liberação de uma outra substância chamada dopamina, que traz a sensação de prazer.

Resultado da distração: a produtividade cai. Por exemplo, no instagram uma coisa chama a outra. Um like chama um post e assim por diante…

Existe solução? Sim, muitas. Eu vou te falar a que tem funcionado para mim, o segredo que mudou minha vida profissional!

Senti que o clima da produtividade tá diminuindo, eu coloco meu telefone em modo avião e faço 20 minutos de meditação.

Eu já falei em outras oportunidades que a meditação transformou a minha vida, amanhã vou falar isso por aqui novamente.

Portanto, o segredo para acelerar depois das da 3 da tarde, é desacelerar. Em outras palavras, tire, se possível, 20 minutos para meditar e respirar. Você sentirá o impacto na sua produtividade!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas! 
Solicite uma cotação clicando aqui!

Veja pode se interessar também por estes posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.