Treinamento de vendas é custo ou investimento?

Marcos é empresário, possui uma  pequena rede de lojas de roupas femininas.  

Ele me escreveu através do Instagram em resposta a um post em que falo de uma das mais relevante necessidades empresarias. Um desafio que toda empresa que busca crescer, mesmo nestes tempos turbulentos, está atravessando:

TREINAR SEU PESSOAL!

Ele é um crítico deste tipo de iniciativa. Ela conta que não investe em cursos e palestras para seu time por alguns motivos:

  • Primeiro porque o sua rotatividade é alta
  • Segundo porque ele acha que simplesmente não funciona.  

Olha Marcos: eu sou prova viva de que um curso ou palestra, quando bem estruturados e direcionados, funcionam e dão resultado para as empresas.

Essa é minha especialidade, eu faço isso há mais de 15 anos. Se não desse certo eu não estaria no mercado este tempo todo.  

Agora, claro que tem vezes que não funciona e quando isto acontece, os motivos quase sempre estão relacionados ao resultado de “expectativa versus realidade”.  

Tem empresa que contrata uma palestra para seu grupo e acha que os funcionários saíram integralmente transformados, sem considerar que são anos e anos de vícios e práticas anti-produtivas.  

Treinamento ajuda a construir melhores práticas, mas não faz milagre! 

Veja só, Marcos: se sua empresa tem um bom resultado sem qualquer movimento de treinamento de pessoal, imagina se treinasse.

Um curso ou uma palestra possuem o poder de abrir a mente das pessoas, de desenquadra-las.  

Agora, a questão de investir em treinamento em um time com alta rotatividade pode ser vista por outro ângulo.

Assim como o Marcos, muitos empresários não investem em seus times. O motivo? O receio de que amanhã ou depois eles podem ir embora – e de que teria adiantado o investimento?

A questão é outra: por exemplo, e se você não investir em qualificação do funcionário e ele FICAR na sua empresa?

 Em suma: O que é menos custoso?

Portanto, anote ai minha palavra do dia: TREINAMENTO

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

Corretores de Imóveis serão extintos?

Primeiramente: você já me segue no Instagram? Shirley me segue, e me acompanha no rádio há muitos anos. Na mensagem enviada através do direct do meu Instagram, ela conta ser corretora de imóveis e tem uma pequena imobiliária: ela faz a intermediação da compra, venda e locação de imóveis.

Inicialmente, Shirley compartilha suas dificuldades do momento. Segundo, suas preocupações com o futuro. Diz que está apreensiva com as novidades tecnológicas –  teme que as imobiliárias sejam extintas com a chegada da tecnologia assim como foram os agentes de viagens e muitas outras profissões.

Minha amiga Shirley:  tenho o dever de te informar que o cenário é realmente crítico. O cliente está cada vez mais conectado e independente. Muitas ferramentas com potencial de substituir o contato do corretor estão chegando. O corretor de imóveis estaria obsoleto?

A resposta é SIM… e NÃO ao mesmo tempo. Por exemplo, É SIM para imobiliárias e corretores de imóveis que não aceitam as transformações e perdem tempo sonhando com o mercado de antigamente.

E, por exemplo, É NÃO, pois não está obsoleto para corretores e imobiliárias que não estão medindo esforços para se surfar esta grande onda.

Hoje já existe visualização do imóvel por plantas 3D. Além disso, existe também a navegação 360° guiada pelo imóvel sem sair de casa e até mesmo negociação da compra e do aluguel e envio de documentação por aplicativo.

Portanto, anote ai minha palavra do dia: INOVAÇÃO!

Para não ser extinto, o profissional e o empresário deste ramo precisam tomar duas atitudes imediatamente: abrir a mente para o novo e buscar uma forma de INOVAR no seu dia-a-dia, elevando a qualidade do serviço prestado justamente para não ficar na vala comum.

Em suma, o melhor que você tem a fazer é entender que a tecnologia está disponível para facilitar processos. Em outras palavras, ela pode ser uma grande aliada e não uma inimiga.

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

Como negociar melhor?

Inicialmente, uma das minhas habilidades é a prática de NEGOCIAR.

Eu viajo o Brasil inteiro ministrando palestras e treinamentos para times dos mais variados segmentos e este tema sempre é solicitado.

Este mês mesmo, por exemplo, estou ministrando diversas turmas do curso “Negociação de Alto Impacto” em várias capitais brasileiras.

O principal erro, muito comum para a maioria das pessoas, é achar que uma negociação é uma espécie de “guerra”. Em outras palavras, é como se um dos lados precisasse sempre sair vitorioso e, o outro, derrotado. Isto é um tremendo engano!

A alegria de quem fechou um acordo precisa ser tão contagiante quanto o da outra parte, se não o sentimento sempre será de perda, de derrota.

Tem muita gente também que acha que  negociar significa baixar seus preços para chegar a um acordo. Se assim fosse, bastaria que as empresas tivessem um bom aplicativo para o cliente informar o preço que quer pagar e o próprio algorítimo responderia, dizendo se o preço está bom ou não.

O objetivo de quem trabalha fazendo negociações – do dentista ao gerente de vendas, por exemplo, é chegar a um acordo sobre a proposta que está sendo oferecida.

O foco das atenções deve estar na solução que seu produto ou serviço proporciona. Este é o ponto chave das negociações e não o preço daquilo que você vende.

Em suma, negociação está mais para um relacionamento do que para uma guerra. O dia que você compreender a essência disto os seus resultados serão  muito melhores!

Portanto, anote ai minha palavra do dia: APRENDER!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

5 maneiras de ter mais foco

Hoje eu vou compartilhar com você 5 maneiras para ter mais foco!

Primeiramente eu não vou negar: eu sou tão vulnerável às distrações da vida como qualquer pessoa. Por exemplo, eu começo a ler sobre algo que me interessa – seja no computador ou no celular – e em segundos já estou mergulhado nos labirintos dos apps, dos faces e da internet, em outras palavras, fazendo outra coisa que não tinha nada a ver com aquela leitura inicial.

Quase que por uma iluminação divina, resolvi portanto dar um basta nesta situação que é extremamente danosa, adaptei alguns conceitos e criei o meu próprio método para ter mais foco, e é este método que eu vou compartilhar com você hoje.

PASSO 1 – Inicialmente, se você trabalha com computador,  trabalhe com o seu e-mail FECHADO e abra-o somente em horas cheias: eu só leio e respondo e-mails de hora em hora e não o tempo todo.

PASSO 2Desligue todas as notificações do seu smartphone. Eu disse todas! Do Email, do Facebook, do WhatsApp… todas!  É impossível ter foco enquanto algo está te notificando.

PASSO 3 – Se você precisa de concentração para fazer um texto, para estudar uma matéria ou para finalizar um relatório e não precisa de internet, simplesmente coloque-se em modo avião e só habilite novamente quando terminar, ao menos em partes.

PASSO 4 – Use  fones de ouvido e sintonize alguma musica instrumental ou de relaxamento. Não pode ser música com letra, pois nos tira o foco do que estamos fazendo.

PASSO 5 – E além disso, ao executar uma tarefa, isole suas preocupações até terminar o trabalho! Com este método, minha habilidade de focar em uma única atividade aumentou significantemente.

Portanto, anote ai minha palavra do dia: FOCO!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas um evento de altíssimo nível. 
Solicite uma cotação clicando aqui!

Como se diferenciar da concorrência

Toda as vezes que uma empresa me chama para realizar uma palestra ou para aplicar um treinamento de vendas na sua equipe, eu me dedico profundamente a me diferenciar, ou seja, entender realmente o seu segmento e os detalhes de sua operação.
Vou além: dou especial atenção aos objetivos que ela deseja atingir ao me convocar para o seu lado das trincheiras.

Por exemplo, com essa minha atividade, busco cumprir a mais enraizada de minhas convicções: não basta entregar um serviço ou um produto legal, razoável. E isso não vale só para o meu trabalho de consultor empresarial ou palestrante, não. Isto vale para tudo! Do restaurante ao chaveiro. Da loja que vende carros a imobiliária.

Empresas que querem não apenas sobreviver, mas, sim, crescer e conquistar cada vez mais clientes, devem ter esta prática no seu cotidiano: entregar mais do que aquilo que o cliente está pagando. Em outras palavras, surpreender seu cliente de uma forma totalmente positiva. Por exemplo, seu cliente pagou por X, mas você entrega um produto/serviço com um adicional, seja tangível ou não.

Portanto, crie e coloque em prática algo para verdadeiramente se diferenciar, algo que a concorrência direta não faz.

O foco de toda e qualquer empresa, da mais simplista a mais complexa, não pode ser mais a transação, a venda. Para retomar a rota do crescimento, as empresas precisam focar o resultado que seu produto ou serviço proporciona.

Anote ai minha palavra do dia: diferenciação!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas um evento de altíssimo nível. 
Solicite uma cotação clicando aqui!

Negociação é talento ou treinamento?

Primeiramente responda: as pessoas nascem boas negociadoras? Ou aprendem a negociação com dedicação e treinamento?

Eu entendo que nascemos com uma série de características que direcionam a pessoa para uma determinada área de atuação. Pessoas totalmente introspectivas por exemplo, geralmente não funcionam na área de vendas e negócios.

Engana-se também aquele que acha que o sujeito que fala demais daria certo em vendas. Falar demais não é uma atitude viável para uma negociação

Em outras apalavras, nós devemos escutar mais do que falar, para entender o que o nosso interlocutor deseja, quais são seus anseios, desejos e dificuldades para então propor soluções.

Negociação pode ser aprendida e suas técnicas devem ser sempre recicladas.

Como diria o intelectual francês Marcel Proust, “A verdadeira origem da descoberta consiste não em procurar novas paisagens, mas em ter novos olhos.”

Pensando nisso, vem aí um treinamento FOCADO em técnicas de negociação MATADORAS!

Com linguagem fácil e simples, o treinamento Negociação de Alto Impacto, criado e apresentado por Diego Maia, tem um conteúdo adaptável tanto para o B2B quanto no B2C. Seja negócio de venda recorrente ou venda pontual, proporcionará mudanças radicais pois é focado na essência da arte de negociar.

Contagiante, objetivo e prático, vai ajudar a quebrar paradigmas e direcionar o foco na direção do que mais importa: o seu sucesso comercial.

MAS ATENÇÃO: NOSSA TURMA DE AGOSTO ESGOTOU!

Não perca tempo e garanta sua vaga para o dia 21 de Setembro, sábado, de 9h às 13h no Novotel Porto Atlantico Hotel, localizado no Porto Maravilha.

Você finalmente vai descobrir o quanto você ganharia a mais se soubesse negociar melhor!

Portanto, adquira sua vaga agora!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

O que impede a realização das suas metas?

Se você é parecido com um humano típico, então você tem sonhos, metas e objetivos em sua vida. 

Inicialmente isso é ótimo, mas há um erro comum que costumamos cometer quando se trata de estabelecer metas, seja da empresa, seja da nossa vida pessoal (eu mesmo cometi este erro muitas e muitas vezes).

O problema não é a meta em si, o problema é que regularmente definimos um prazo, mas não um cronograma.

Nós nos concentramos no objetivo final que queremos alcançar e no prazo que queremos fazer. Isso vale pra tudo! Por exemplo vender 100 mil no mês, perder 10 quilos pro verão, dominar um segundo idioma em 12 meses….

O problema é que estabelecer prazo e estabelecer objetivo não garante em nada a concretização. Eles continuam a existir muito mais na base do desejo de fazer do que no “como” fazer.

Qual o segredinho, então?

Crie um cronograma para a sua meta, com início, com fases, com meio, com fim, com etapas, com pessoas envolvidas, com ações que precisam ser feitas.

O alvo que você deseja atingir precisa de um mapa de “como” atingir.

Em suma, jamais comece uma meta sem um mapa. É isso que vai fazer você conquistar todos os seus objetivos!

Portanto pense nisso e me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

Como atingir todos os seus objetivos.

Hoje você vai conhecer um método simples e eficaz de conquistar todos os objetivos que você deseja para sua vida, seja na área profissional, seja na área pessoal.  

Primeiramente, é preciso te dizer que qualquer esforço para sair da inércia é válido. Em outras palavras, viver esperando as condições ideais para fazer as coisas é uma baita perda de tempo, vai por mim.  

A técnica que vou te apresentar hoje consiste em estabelecer suas metas com dois ângulos: detalhar os objetivos que deseja e, em seguida, criar as estratégias para atingir estes objetivos.  

Por exemplo, vou utilizar como referência o objetivo de PERDER PESO.  

Quer perder peso? 

Determine o objetivo: Torne-se o tipo de pessoa que se movimenta mais a cada dia. 

Estratégia: Compre um pedômetro ou baixe um app que monitora os passos que você dá. Caminhe 50 passos quando chegar em casa do trabalho. Amanhã, ande 100 passos. No dia seguinte, 150 passos. Se você fizer isso 5 dias por semana e adicionar 50 etapas por dia, até o final do ano, estará caminhando mais de 10.000 passos por dia. 

Vou te dar um outro exemplo, agora mais relacionado a trabalho.  

Quer ser levado a sério na empresa? 

Determine o objetivo: torne-se o tipo de pessoa que está sempre no horário e que a empresa pode contar sempre.  

Estratégia: chegue sempre, por exemplo, 15 minutos mais cedo, seja na reunião, numa visita ou mesmo no dia-a-dia.  

Portanto pense nisso e me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas um evento de altíssimo nível.
Solicite uma cotação clicando aqui!

Você pode parecer tudo, só não pode parecer amador!

Eu estava andando num bairro chique da cidade quando avistei uma loja lindíssima, numa esquina nobre… ao chegar mais perto, inicialmente reparei que era uma imobiliária e que além disso, tinha um letreiro bonito, grande, que dizia  “Assessoria especializada em imóveis de alto padrão”. Até ai, tudo ok. Nada de amador.

Mas o assessoria estava escrito com C; quando isso acontece nos remetemos a venda de acessórios como por exemplo brincos, colares e não serviço de assessoria que é com dois esses.

Você pode não acreditar, mas além deste erro tinha outro. O alto padrão era com U, que remetia a automóveis. Uma verdadeira chacina a língua portuguesa! Parece mentira né? Mas eu já mostrei essas imagens em palestras que ministro por aí.

Reflita comigo: qual imagem que uma imobiliária especializada em imóveis de alto padrão transmite ao escrever na sua fachada desta forma?

Na boa, a gente pode ser tudo: cool, descolado, engravatado, formal ou informal e como diz nos memes, pode ser até Power Ranger! Só não pode parecer AMADOR.

Em suma, para não correr nenhum risco de parecer inexperiente, em outras palavras, para não soar amador, fique atento nos seguintes questionamentos:

  • Pareço profissional?
  • Transmito credibilidade para o meu cliente?
  • Passei o corretor ortográfico antes de mandar a mensagem?

Portanto pense nisso e me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas e garanta uma palestra inspiradora! 
Solicite uma cotação clicando aqui!

Você conhece a Síndrome de Burnout?

O ano era 2011 e eu já falava no rádio sobre uma doença pouco conhecida: a Sindrome de Burnout.

Mas, primeiramente: você sabe o que é a Síndrome de Burnout?

Hoje vou escrever mais sobre essa síndrome aqui no blog. Além disso, você pode ouvir o que eu disse sobre isso na rádio, dando play aqui em cima!

Síndrome de Burnout é uma doença que acomete a mente de um profissional mas que, no entanto, afeta todo o corpo. Em outras palavras, é uma das muitas doenças geradas pelo trabalho. Essa em especial, refere-se a uma condição de esgotamento relacionada à atividade profissional.

Ela tem crescido tanto que acabou de ser incluída na nova versão da Classificação Internacional de Doenças da OMS (Organização Mundial da Saúde).

A lista passa a valer em 2022 para os países membros.

Na classificação, o Burnout é classificado como um “estresse crônico no trabalho que não foi administrado com êxito” e aparece no capítulo que relaciona os problemas associados a emprego.

Por exemplo, três elementos caracterizam a doença:

  • Sensação de esgotamento;
  • Cinismo ou
  • Sentimentos negativos relacionados a seu trabalho e eficácia profissional reduzida.

Com o reconhecimento da síndrome, os RHs e empresários, por exemplo, vão precisar entender mais do tema e, finalmente, ajudar a pessoas com estes sintomas.

O QUE É?

O que é burnout?
É um quadro de esgotamento profissional caracterizado por três sinais clássicos:
1) esgotamento físico e psíquico (a sensação de não dar conta das tarefas);
2) indiferença e perda de personalidade (não se importar mais com o próprio desempenho profissional, cinismo e apatia); e
3) Baixa satisfação profissional.
Para além desses sintomas, podem aparecer sintomas físicos, como ressalta a coordenadora do Serviço de Psicologia e Experiência do Paciente do Hospital Israelita Albert Einstein, Ana Merzel Kernkraut. “Os primeiros sintomas podem ser físicos, como dor de cabeça, dor de coluna e distúrbios musculares.”

Quais são as causas?
O quadro está sempre associado a fatores de estresse crônicos no ambiente de trabalho, como longas jornadas, pressão e alta competitividade, entre outros. Em outras palavras, de acordo com o Ministério da Saúde, a síndrome é comum em profissionais que atuam diariamente sob pressão e com responsabilidades constantes, como médicos, enfermeiros, professores, policiais, jornalistas, dentre outros. “Não é algo que acontece após um ou outro dia de trabalho estressante. É um quadro que vem de uma rotina constante de estresse ao longo da vida profissional”, explica João Silvestre da Silva Junior, diretor da Anamat e perito médico do INSS.

SINTOMAS

Que outros sintomas podem aparecer?
De acordo com o Ministério da Saúde, são sintomas do burnout cansaço excessivo (físico e mental), dor de cabeça frequente, alterações no apetite, insônia, dificuldades de concentração, sentimentos de fracasso e insegurança, negatividade constante, sentimentos de derrota e desesperança, sentimentos de incompetência, alterações repentinas de humor, isolamento, fadiga, pressão alta, dores musculares, problemas gastrointestinais e alteração nos batimentos cardíacos.

Quantas pessoas são atingidas no Brasil?
Não há dados precisos sobre isso, mas, segundo a representação brasileira da Associação Internacional de Manejo do Estresse (ISMA), 72% dos brasileiros que estão no mercado de trabalho sofrem alguma sequela ocasionada pelo estresse. Desse total, 32% sofreriam de burnout. De acordo com João Silvestre da Silva Junior, diretor da Associação Nacional de Medicina do Trabalho e perito médico do INSS, cerca de 20 mil brasileiros pedem afastamento médico por ano por doenças mentais relacionadas ao trabalho.

TRATAMENTO

Como tratar o burnout?
O tratamento da síndrome é feito principalmente com psicoterapia, mas também pode envolver medicamentos (antidepressivos e/ou ansiolíticos). Em alguns casos, o tratamento requer afastamento temporário do emprego e também mudanças nas condições de trabalho.

Como é possível prevenir a doença?
Algumas condutas reduzem o risco, como por exemplo negociar limites de trabalho e de jornada com o empregador e dedicar-se a outras atividades além do trabalho, como exercícios físicos, relacionamentos familiares, atividades de lazer, entre outras. Também é importante evitar jornadas excessivas com frequência, alimentar-se bem e tentar dormir cerca de oito horas diárias. (Com agências internacionais).

Fonte: Ministério da Saúde.

Portanto, fique atento a Síndrome de Burnout e ao primeiro sinal destes sintomas, procure a ajuda de um especialista.

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas! 
Solicite uma cotação clicando aqui!

Não existe fracasso. Existe resultado!

Nesta minha jornada de palestrante – faço mais de 15 palestras todos os meses – o resultado de um evento em especial me marcou.

Era uma empresa distribuidora de produtos naturais e saudáveis e um representante comercial levantou o braço e me perguntou:  Diego, Quais são os pontos chaves para uma negociação de sucesso? O que podemos fazer para não fracassar” e ganhar mais “sim” do que “não”?

Inicialmente já respondo aqui o que falei para ele que na negociação não há fracasso. Há resultado! Às vezes não é o resultado que queremos, que desejamos. A pergunta deve ser: “Por que o fracasso acontece”?

  • Porque, em geral, não nos preparamos para a negociação.
  • Porque não estamos preparados para as objeções das pessoas.
  • Porque damos a entender que queremos o resultado a qualquer custo, independente dos desejos e vontades do interlocutor.

Em geral, os que fracassam tentam replicar o que deu certo anteriormente, e isto é um tremendo erro. Afinal, o resultado do passado não garante em nada o sucesso futuro.

Não há dois clientes iguais. Não há duas negociações iguais. O que sempre precisa se repetir é a preparação sistemática e ininterrupta, a pró atividade e a vontade louca de conhecer aquilo que o cliente precisa, gosta e deseja.

Portanto, não bastam somente técnicas. Não basta somente atitude. O que funciona é o mix destes dois ingredientes.

Estão abertas as inscrições para o curso “Negociação de Alto Impacto” e as vagas estão quase terminando. Clique aqui e garanta sua vaga agora!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas um evento de altíssimo nível.
Solicite uma cotação clicando aqui!

A técnica de foco extremo de Warren Buffett

Você vai conhecer agora uma técnica incrível de estabelecimento de foco e prioridades ensinada pelo mega investidor americano Warren Buffett.

Inicialmente, tal prática consiste em concentrar sua atenção no que importa e eliminar o que não importa. É também uma forma de tomar decisões de maneira mais rápida.

  • PASSO 1:  Escreva seus 25 principais objetivos de carreira ou ações comerciais que precisa fazer, ou ainda uma lista de prioridades da semana, não importa. Escolha 25 e anote no papel.
  • PASSO 2:  Circule seus 5 principais objetivos. Não importa o tempo que leve, mas decida-se e circule no papel os 5 que você julga mais importantes.
  • PASSO 3:  Bom, agora você tem duas listas.  Os 5 itens que você circulou se tornam o que podemos chamar de Lista A, e os 20 itens que você não circulou se tornam a Lista B.

A regra passa a ser trabalhar de forma irrestrita na sua Lista A, ou seja, nos 5 itens que você selecionou.

E os itens que você não circulou? Presta bem atenção agora!

Seria normal você pensar que  o top 5 é seu foco principal, e os outros 20 vêm em segundo lugar

Tá errado. De acordo com Buffett, tudo o que você não circulou e agora chamamos de lista B acabou de se tornar sua lista “Evitar a todo custo”. 

Em suma, essa técnica radical obriga você a tomar decisões difíceis e a eliminar coisas que podem ser até importantes. Mas lembre-se que isso ocorro somente porque te afastam daquilo que você mais deseja construir.

Pense nisso e responda qual é o seu foco principal e o que você pode descartar para não te afastar do seu propósito?

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas e garanta uma palestra inspiradora! 
Solicite uma cotação clicando aqui!

Deu sua palavra? CUMPRA!

Se tem uma única coisa que é imprescindível no desenvolvimento de uma carreira ou de uma empresa é a PALAVRA

Inicialmente já te digo: sua honra e sua palavra são as coisas mais valiosas que você pode oferecer a uma pessoa. São ingredientes de alta relevância para você conquistar reputação no mercado.

Então, se prometer algo, faça de tudo para concretizar a sua realização. Mova mundos e fundos, custe o que custar!

Em outras palavras, honra, reputação e a palavra dada valem mais do que qualquer dinheiro e no final das contas é só isso que vai importar.

Não importa neste caso, se, por exemplo, o seu cliente é quem faltou com a palavra, se é ele quem chega atrasado, se ele é do tipo que muda ideia como quem muda de roupa. Independente de qualquer coisa, honre o que você disse!

Portanto, não esqueça que cliente é cliente, e a sua palavra não pode faltar. Prometeu? CUMPRA!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas! 
Solicite uma cotação clicando aqui!

A tecnologia vai mudar seu emprego

Inicialmente já digo logo:  a tecnologia está transformando tudo, inclusive seu emprego!

Em outras palavras, tudo ao seu redor sofreu, sofre ou sofrerá a influência direta desta que, pra mim, é a rainha má da nossa história.

E eu não estou falando só de redes sociais ou das transformações cruéis que segmentos inteiros foram expostos, como o da mobilidade urbana, como o da telefonia, como o das hospedagens… Eu tô falando de TUDO mesmo.

Há algum tempo saiu no G1 a seguinte reportagem: “Pesquisa mostra que 40% dos jovens adultos japoneses são virgens“. Nunca namoraram. É a tecnologia influenciando as relações humanos, a vida sexual das pessoas…

Saindo deste campo e indo para outro: a tecnologia está influenciando a religiosidade das pessoas. Não estou falando só do fato da bíblia digital já ser mais vendida que a bíblia física. Estou falando de aplicativos e sites que alterando a forma de acessar  o divino.

Por exemplo:

Um é de um aplicativo português chamado CANDLA, que permite a usuários acenderem velas em igrejas de Portugal através de comandos no smartphone.

E o outro, beira a comédia, mas existe, é real, eu já acessei: chama “Macumba Online“, que permite você fazer “trabalhos” sem sair de casa.

Brincadeiras a parte: seu segmento está sendo transformado, seu cargo está sendo transformado, seu emprego está sendo transformado.

Em suma: o que você está fazendo para não ser devorado pela tecnologia?

Portanto pense nisso e me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

O segredo que mudou minha vida!

Você sabe o que é a síndrome das 3 da tarde? Hoje te falo que é e te conto o segredo que mudou minha vida profissional.

Inicialmente já te digo uma verdade: cada um de nós tem seu próprio ritmo de produtividade. Sim, cada um tem seu tempo e ritmo mas geralmente, numa empresa que trabalha no horário tradicional (de 9 da manha às 6 da noite), perto das três ou quatro horas da tarde, a energia sofre um baque.

É que, nesse período, os níveis do hormônio cortisol, diretamente envolvido no gerenciamento do estresse e na capacidade de resolver problemas, começam a cair.

Justamente é esse o momento em que o organismo pede mais estímulos para continuar motivado. E você sabe qual o caminho mais fácil para buscar estes estímulos instantaneamente? Nas curtidas em redes sociais, porque elas estimulam a liberação de uma outra substância chamada dopamina, que traz a sensação de prazer.

Resultado da distração: a produtividade cai. Por exemplo, no instagram uma coisa chama a outra. Um like chama um post e assim por diante…

Existe solução? Sim, muitas. Eu vou te falar a que tem funcionado para mim, o segredo que mudou minha vida profissional!

Senti que o clima da produtividade tá diminuindo, eu coloco meu telefone em modo avião e faço 20 minutos de meditação.

Eu já falei em outras oportunidades que a meditação transformou a minha vida, amanhã vou falar isso por aqui novamente.

Portanto, o segredo para acelerar depois das da 3 da tarde, é desacelerar. Em outras palavras, tire, se possível, 20 minutos para meditar e respirar. Você sentirá o impacto na sua produtividade!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas! 
Solicite uma cotação clicando aqui!