top of page
  • Foto do escritorCDPV - Escola de Vendas

15 melhores dinâmicas de grupo para engajar seu time de vendas

Atividades em equipe podem ajudar os colaboradores a desenvolverem habilidades comportamentais e a traçar estratégias da empresa



Não há dúvidas que a falta de motivação entre os colaboradores de uma empresa pode trazer resultados ruins e um clima pesado e desagradável. Felizmente, existem maneiras de reverter essa situação e mudar toda a atmosfera reinante no grupo. Equipes motivadas se tornam mais produtivas e prósperas, se tornando grandes vencedores.


Uma forma de trabalhar a motivação, o trabalho em equipe e a capacidade de liderança dos times de vendas é aplicar dinâmicas de grupos com eles, como parte de um treinamento de vendas ou parte de uma palestra inspiradora. Muitos estão acostumados a essas atividades como uma técnica de Recursos Humanos para seleção de pessoal, mas elas podem e devem ser usadas por líderes com seus funcionários.


Neste artigo você vai conhecer as 15 melhores dinâmicas de grupos para equipes de vendas. Para esta seleção, contamos com a colaboração de Diego Maia, apontado pelo Google como o palestrante motivacional de vendas mais contratado do país.


Sumário das melhores dinâmicas de grupo



O que são dinâmicas de grupos


As dinâmicas de grupo são atividades realizadas com os participantes de algum processo, sejam os candidatos a uma vaga, sejam times de trabalho, para promover o engajamento, desenvolver habilidades ou avaliar o comportamento. Elas são uma ótima ferramenta para observar quem tem perfil de liderança, quem é comunicativo, quem é proativo, quem é mais objetivo e assim por diante.


Os chamados soft skills, muito exigidos no mercado de trabalho atual, também são avaliados nessas dinâmicas. Essas habilidades comportamentais servem para observar competências mais difíceis de se avaliar, que vão além do currículo e são mais subjetivas como liderança, pensamento crítico, otimismo, entusiasmo, trabalho em equipe e ética.


Se você está passando por um momento de desmotivação geral entre os colaboradores da sua empresa e quer mudar essa situação, confira essas 15 dinâmicas que reunimos aqui para você aplicar de forma simples e que, com certeza, irão ajudar a melhorar o ambiente de trabalho. Confira!


1 - Quem eu levo


Essa dinâmica de motivação irá contribuir para o reconhecimento das qualidades dos colegas e para desenvolver habilidades. Simples de fazer, você precisa apenas de papel, lápis e envelopes. Ela consiste em escolher colegas de trabalho que você acredita que são mais indicados para determinadas situações.


Para realizar a atividade, siga o passo a passo:

  • Coloque dentro do envelope um papel com algumas perguntas como: “Se você ficar perdido em uma ilha deserta, quem do grupo levaria?”; “Se você ficasse encarregado de organizar uma festa, quem do grupo consideraria a pessoa ideal para ajudá-lo?”; “Se você ganhasse uma viagem para qualquer lugar do mundo, quem seriam as três pessoas do grupo que você levaria como acompanhante?”;

  • Distribua o envelope com as perguntas a todos os participantes;

  • As respostas são anônimas, portanto, não se deve assinar o papel;

  • Depois, recolha as respostas e mostre os melhores colocados de cada situação ao grupo.

Essa dinâmica trará uma dose de motivação para aqueles que foram reconhecidos pelos colegas e irá estimular os menos votados a melhorarem seus pontos fracos.



2 - Ilha do tesouro


Para essa dinâmica você precisa apenas de jornais e uma caixa de bombom. Ela estimula o trabalho em equipe e a superação de desafios. Veja como funciona:

  • Primeiro coloque uma folha de jornal aberta em algum canto da sala com a caixa de bombom em cima. Essa será a “Ilha do tesouro”;

  • Separe o grupo em duplas;

  • Em seguida, distribua uma folha de jornal para cada dupla no outro canto da sala;

  • Cada dupla deve ficar em cima de uma folha de jornal e chegar até a “ilha do tesouro” sem tocar os pés no chão. Podem arrastar ou mover a folha, mas não podem rasgá-la;

  • Estabeleça um tempo máximo para cumprirem a tarefa;

  • Os participantes que colocarem os pés no chão ou rasgarem a folha são desclassificados;

  • A dupla que chegar à "ilha" primeiro é a vencedora. Se chegar mais de uma dupla ao mesmo tempo, deve-se dividir o prêmio.

Para ter sucesso na atividade, as duplas precisam de um bom trabalho em equipe. O segredo da atividade é que as duplas se ajudem, chamando a outra para terem o jornal e colocando a folha vazia cada vez mais próximo da ilha.


3 - Verdade ou mentira


O objetivo dessa dinâmica é mostrar o quanto os colegas de trabalho realmente se conhecem. Providencie apenas papéis, canetas e bombons para recompensas.

  • Cada integrante deve escrever três afirmações curtas;

  • Duas dessas devem ser mentiras e uma verdadeira. A intenção é escrever afirmações que deixem os outros participantes em dúvida;

  • Em seguida, cada um vai à frente de todos e lê as três frases que escreveu em voz alta;

  • O restante da equipe deve votar em qual acreditam ser a verdadeira;

  • Ao final, os 3 participantes que mais conseguirem “enganar” os colegas vencem e dividem o prêmio.

Esse tipo de atividade ajuda a manter a equipe unida e entrosada, o que melhora o clima e a qualidade no trabalho.


Esses conteúdos podem te interessar:



4 - O que você parece pra mim


Essa é outra dinâmica simples que contribui para o entrosamento, reconhecimento de qualidades e melhoria de habilidades. Para realizá-la, você só precisa de papel cartão, caneta e fita crepe.

  • Fixe o papel cartão nas costas de cada participante com a fita crepe;

  • Em seguida, fale para os participantes escreverem uma qualidade e um ponto que precisa ser melhorado no papel nas costas do colega;

  • Ao final, conversem sobre as qualidades e pontos fracos recebidos.

5 - Carta para si mesmo


Essa dinâmica é excelente para trabalhar a automotivação. Muito simples de ser feita, apenas distribua a cada participante uma folha em branco e uma caneta para escreverem para si mesmos uma carta dizendo como se sentem no momento, o que esperam das próximas semanas e como se imaginam pessoal e profissionalmente em 30 dias. Depois de 45 dias, a empresa irá devolver essa carta para que o participante possa verificar se cumpriu com o esperado e se evoluiu de acordo com as suas expectativas.



6 - Desafio


Esse exercício é bem simples e divertido de ser feito. Ele ajuda a estimular os participantes a pensarem de forma diferente e não evitarem os desafios a qualquer custo, além de ajudar na motivação, interação em grupo e confiança pessoal.


Para realizá-la, providencie uma caixa e coloque dentro um bombom ou qualquer chocolate. Em seguida:


  • Faça um círculo com os participantes;

  • Entregue a qualquer participante a caixa sem revelar o que tem dentro e informe que eles devem seguir passando a caixa ao colega ao lado até parar a música;

  • Ligue uma música animada;

  • Desligue a música de repente e diga a pessoa que parou com a caixa na mão que há dentro da caixa um desafio. Ela pode aceitá-lo, sem saber qual é, e abrir a caixa, ou prosseguir com brincadeira;

  • O moderador deve tentar convencer a pessoa a não aceitar o desafio, com muito jogo de cintura;

  • Assim que alguém aceitar o desafio e abrir a caixa, todos poderão ver a surpresa.

A dinâmica consegue expor de maneira divertida que os desafios também trazem recompensas, mas só é possível usufruir delas se aceitá-los.


7 - Mãos dadas


Essa dinâmica é interessante para motivar e gerar mais entrosamento no grupo. Você precisa apenas de uma cartolina grande para realizá-la e seguir os seguintes passos:

  • Peça para os participantes formarem um grande círculo e darem as mãos;

  • Diga a eles para memorizarem quem está ao seu lado esquerdo e direito, e depois soltarem as mãos e se misturarem;

  • Coloque a cartolina no chão e peça para que se juntem em cima dela;

  • Em seguida, peça para que eles deem as mãos, ainda em cima da cartolina, para quem estava a seu lado no círculo;

  • Mesmo que embolados, eles devem formar o círculo igual no início sem soltar as mãos;

  • Será necessário deitar, passar por cima do outro, ficar de costas e o que for necessário para conseguirem.

Com um objetivo em comum, todos precisarão trabalhar em equipe para alcançá-lo, além de ser possível observar as pessoas com perfil de liderança que irão tomar a frente da brincadeira.


Confira uma edição do podcast BóraVoar, do palestrante de vendas Diego Maia:



8 - Caixa dinâmica


Para realizar essa dinâmica, peça para que todos escrevam, de forma anônima, em um papel a resposta para a pergunta: “Qual você considera o maior desafio para trabalhar nessa empresa/equipe?”. Recolha os papéis com as respostas e peça que respondam uma nova pergunta: “Qual a melhor coisa de trabalhar nesta empresa/equipe?”. Separe-as em outra caixa.


Retire uma das respostas do desafio, leia em voz alta e discuta com a equipe possíveis soluções para a situação e como melhorá-la. Faça o mesmo com as qualidades e busque propor formas de melhorar ainda mais esse ponto da equipe/empresa. Assim, é possível verificar que toda empresa é feita de desafios e sucessos.


Adicione Diego Maia no Instagram e receba conteúdos de gestão e liderança em primeira mão.

9 - Gratidão


A dinâmica da gratidão consiste apenas em reunir os participantes em um círculo e cada um irá dizer por quem ou pelo que é grato na equipe ou na empresa e por estar trabalhando ali. Isso contribui para o espírito de equipe e para motivar os colaboradores a terem um bom dia de trabalho.


10 - Teia do conhecimento


Junte a equipe em círculo e com um barbante na mão, diga porque gosta de trabalhar com determinada pessoa. Em seguida, passe o rolo do barbante para ela e fique segurando a ponta. Siga a dinâmica até que todos tenham sido elogiados. Ao fim, será formada a teia que une toda a equipe de sentimentos bons, deixando todos felizes e sentindo-se valorizados.


11 - Dinâmica do balão


Essa dinâmica visa estimular a competitividade e o trabalho em grupo, pois exige estratégia para vencer os adversários e não ser derrotado. Para realizá-la é necessário dividir a equipe em dois times e distribuir balões de duas cores diferentes, uma para cada grupo.


Cada participante deve amarrar dois balões cheios na cintura. No jogo as equipes têm como objetivo estourar os balões dos adversários. Vence o time que estourar mais. Mas além de montar estratégias para derrotar o time oposto, será necessário buscar maneiras de se defender em grupo, o que estimula o trabalho em equipe.


12 - Dinâmica das semelhanças


Essa é uma atividade bem rápida que pode ser aplicada até mesmo no dia a dia da empresa e busca desenvolver a empatia, habilidades de comunicação e união entre os funcionários. Os colaboradores devem ser divididos em duplas ou trios, que vão conversar entre si sobre gostos pessoais e profissionais.


A ideia é que nessa conversa cada um anote entre duas ou três características e habilidades que tem em comum com os colegas. Dessa forma a dinâmica ajuda os colaboradores a se identificarem uns com os outros e pode fazer com que aproveitem as semelhanças e até as diferenças para trabalharem em conjunto.


13 - Desafio três Zaps


Diego Maia palestrante de vendas

Essa é uma dinâmica para aplicar em treinamentos e convenções de vendas, muito usada pelo palestrante de vendas Diego Maia em seus eventos. Nela a ideia é expandir o networking dos participantes.


Para realizar essa atividade é bem simples. Basta solicitar que os espectadores saiam dos seus lugares e conversem por alguns minutos com alguém que ainda não conheciam e, ao final, adicionem os números de WhatsApp de três dessas pessoas. Com isso em mãos você poderá ter um novo contato profissional, seja para realizar trabalhos em conjunto ou para trocar ideias e informações, receber e dar indicações, entre outros.


14 - Dinâmica da observação


Ter uma boa capacidade de observação é muito importante para vendedores e nessa dinâmica o objetivo é justamente testar e estimular essa característica. O gestor responsável pela atividade deve pedir para que todos formem um círculo, fechem os olhos e, depois, começar a fazer perguntas ligadas aos colegas.


Podem ser questões simples, como qual a cor da camiseta de ‘fulano’, ou se ‘sicrana” está de cabelos soltos ou presos, e assim por diante. Quem lembrar precisa levantar a mão para falar e a cada resposta certa ganha um ponto. No fim, quem somar mais respostas corretas, ganha um prêmio.


15 - Quem sou eu


Quem sou eu é um jogo muito famoso, divertido e simples que pode servir como uma ótima dinâmica de grupo. Para ele são necessários apenas canetas e post its, materiais que qualquer escritório costuma ter.


Cada participante deve escrever em uma das folhas o nome de alguém famoso, que podem ser atores, atrizes, celebridades, atletas ou personagens de ficção e colar na cabeça de outro. Em círculo, os participantes devem fazer perguntas para os outros, um de cada vez, onde as respostas sejam sim ou não como: ‘sou uma mulher?’, ‘sou cantor?’, ‘estou vivo?’, ‘existo de verdade?’, e assim por diante.


Quem for acertando pode fazer uma pergunta complementar, mas ao errar passa a vez, até que alguém acerte o nome que está em sua testa. Essa dinâmica é muito boa para identificar a objetividade e clareza dos colaboradores na busca pela solução de um problema.


Conclusão sobre as 15 melhores dinâmicas de grupos


Os resultados das dinâmicas são colaboradores motivados, dispostos, produtivos e capacitados para realizar seu trabalho com excelência. As dinâmicas são excelentes ferramentas motivacionais, que podem se tornar uma grande aliada na hora de buscar renovar a energia da sua equipe.


Muito usadas em treinamentos de vendas em empresas que buscam aumentar a produtividade de seus colaboradores, essas táticas contribuem para aprimorar habilidades e traçar o perfil dos profissionais. Elas também podem ser aplicadas por um palestrante de vendas que ajudará a empresa a capacitar e identificar pontos fortes e fracos na equipe.


Confira a energia de uma palestra presencial com Diego Maia:


Conheça também:



留言


bottom of page